Eng. Nuno da Câmara Pereira, apresentou hoje a demissão

Este espaço destina-se a  apresentação e debate sobre os movimentos político-monárquicos.

Moderador: Beladona

Avatar do Utilizador
iznoguud
Regente
Regente
Mensagens: 2768
Registado: 23 de abril de 2007 às 09h40

Eng. Nuno da Câmara Pereira, apresentou hoje a demissão

Mensagem por iznoguud »

http://partidopopularmonarquico.blogspot.com/

Lisboa, 31 de Março de 2010

A Comissão Política do PPM vem por este meio comunicar que o Presidente, Eng. Nuno da Câmara Pereira, apresentou hoje a demissão do cargo para o qual fora eleito em Congresso realizado a 13 de Dezembro de 2009.

A Comissão Política decidiu, por unanimidade, nomear como novo Presidente do PPM o Dr. Paulo Estêvão , que ocupava o cargo de Primeiro Vice-Presidente e é, actualmente, líder do PPM no Parlamento dos Açores. Foi também solicitada uma reunião urgente do Conselho Nacional.

Aproveita-se este momento para reafirmar que o PPM, como partido histórico de Portugal, manterá o seu empenho e desígnio de lutar contra a actual situação política da Nação e espera que o novo Presidente, Dr. Paulo Estêvão , possa dar ao resto do País a mesma dedicação e espírito de trabalho em prol dos cidadãos como tem demonstrado no parlamento açoriano.

O PPM agradece ao Presidente demissionário o trabalho que prestou ao partido durante os anos em que também ocupou o cargo de deputado da Nação .

A Comissão Política

Avatar do Utilizador
iznoguud
Regente
Regente
Mensagens: 2768
Registado: 23 de abril de 2007 às 09h40

Mensagem por iznoguud »

A ver se não é apenas uma mentira do 1º de Abril...

IzNoGuud

Avatar do Utilizador
Beladona
Regente
Regente
Mensagens: 2985
Registado: 23 de abril de 2007 às 17h13
Localização: Algarve

Mensagem por Beladona »

Tomo a liberdade de aqui colocar a notícia que por lapso não saiu no anterior post e que deu nome a este tópico.

in: http://partidopopularmonarquico.blogspot.com/

QUARTA-FEIRA, 31 DE MARÇO DE 2010
Comunicado

Lisboa, 31 de Março de 2010

A Comissão Política do PPM vem por este meio comunicar que o Presidente, Eng. Nuno da Câmara Pereira, apresentou hoje a demissão do cargo para o qual fora eleito em Congresso realizado a 13 de Dezembro de 2009.

A Comissão Política decidiu, por unanimidade, nomear como novo Presidente do PPM o Dr. Paulo Estêvão , que ocupava o cargo de Primeiro Vice-Presidente e é, actualmente, líder do PPM no Parlamento dos Açores. Foi também solicitada uma reunião urgente do Conselho Nacional.

Aproveita-se este momento para reafirmar que o PPM, como partido histórico de Portugal, manterá o seu empenho e desígnio de lutar contra a actual situação política da Nação e espera que o novo Presidente, Dr. Paulo Estêvão , possa dar ao resto do País a mesma dedicação e espírito de trabalho em prol dos cidadãos como tem demonstrado no parlamento açoriano.

O PPM agradece ao Presidente demissionário o trabalho que prestou ao partido durante os anos em que também ocupou o cargo de deputado da Nação .

A Comissão Política

Avatar do Utilizador
Beladona
Regente
Regente
Mensagens: 2985
Registado: 23 de abril de 2007 às 17h13
Localização: Algarve

Mensagem por Beladona »

Pelo que denoto, a notícia saiu no blog do PPM ontem dia 31 de Março. Mas de facto, não estou muito crente na situação ...a ver vamos...

Beladona

Avatar do Utilizador
iznoguud
Regente
Regente
Mensagens: 2768
Registado: 23 de abril de 2007 às 09h40

Mensagem por iznoguud »

As minhas desculpas a todos por não me ter apercebido de que o texto em causa não tinha aparecido no post original.

IzNoGuud

Paulino B. Fernandes
Monárquico
Monárquico
Mensagens: 373
Registado: 26 de março de 2008 às 12h55
Localização: Lisboa
Contacto:

Mensagem por Paulino B. Fernandes »

Com Paulo Estevão , um novo ciclo se abre.
Há agora condições para o regresso de inúmeros militantes.
A política pode estar a mudar em Portugal, em vários Partidos.
Isso é bom,
PF
Saúdo todos os Monárquicos independentemente das suas posições relativamente aos problemas da Causa.

Valdez
Monárquico
Monárquico
Mensagens: 972
Registado: 2 de setembro de 2007 às 23h04
Contacto:

re

Mensagem por Valdez »

http://www.ionline.pt/conteudo/53751-ir ... os-incerto

Irmãos de costas voltadas. Futuro dos monárquicos incerto
por Sandra Pereira, Publicado em 03 de Abril de 2010 | Actualizado há 9 horas
.Nuno da Camara Pereira quer eleições para escolha do seu substituto. Gonçalo nega congresso no PPM



."Serviço é serviço, conhaque é conhaque." É assim que Nuno da Camara Pereira define as relações com o irmão - Gonçalo da Camara Pereira. As divergências "fracturantes" na gestão do Partido Popular Monárquico (PPM) justificaram a sua demissão da liderança do partido. "A nível político, sou o oposto da forma de estar e ser do Gonçalo", assume Nuno da Camara Pereira. No entanto, a renúncia do irmão apanhou desprevenido Gonçalo, vice-presidente do partido. "Não tinha reparado que tinha havido divergências. Não senti que estivesse melindrado", contrapõe.

Os irmãos asseguram não estar de costas voltadas, mas politicamente nem sequer convergem no futuro do partido. "O Conselho Nacional tem de convocar um congresso extraordinário para marcar eleições imediatas. Não é legítimo se não fizer. São regras estatutárias", aponta Nuno da Camara Pereira, que também pediu a desfiliação do partido. "Essa é a leitura dele. A direcção do partido tem outra", responde Gonçalo.

Após o pedido de demissão do fadista, a comissão política do partido anunciou a sua substituição pelo primeiro vice- -presidente, Paulo Estêvão . E assim será até 2012, garante Gonçalo, que agora passa a ser o único vice-presidente monárquico. "Há um ano apresentámos um programa com as linhas políticas do PPM para os próximos três anos. O próprio [Nuno] liderou a moção de estratégia. Não pode agora impor regras ao partido porque já não é militante", acusa. Estêvão já afastou a hipótese de um novo congresso, mas Nuno da Camara Pereira insiste que deverá ser marcado para Maio ou Junho, já que o fadista vai estar em digressão por Timor e pela Indonésia de 8 a 22 de Abril.

As discórdias entre os dois irmãos têm histórico. Nuno tentou convocar um congresso extraordinário há um ano. "Queria mudar o quadro humano no partido. O PPM precisa de mais juventude, fervor e trabalho", explica Não teve seguidores e optou agora por fazer "o sacrifício no sentido do exercício da integridade". "Não somos o PS ou o PSD. Cumprimos mandatos. Não podemos estar constantemente a fazer congressos", aponta o irmão , esclarecendo que Nuno não o informou da decisão , nem depois do anúncio oficial. Gonçalo é um potencial candidato à liderança do PPM, que conta com 600 filiados, segundo Nuno. Embora "não esteja rodeado das pessoas ideais", está a tempo de renovar o partido, acredita. Gonçalo volta a negar. "Paulo Estêvão é uma figura fantástica para liderar o partido. É dedicado à causa monárquica e tem 15 anos de experiência política."

Paulino B. Fernandes
Monárquico
Monárquico
Mensagens: 373
Registado: 26 de março de 2008 às 12h55
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: re

Mensagem por Paulino B. Fernandes »

O Nuno teria razão se não saisse do Partido.
Ao sair, mostra que não conseguiu impor nada do que queria ( já se sabia) e, a única coisa que conseguiu foi afastar militantes do PPM.

Saindo e, mais grave, abandonando, o que deve fazer é "silêncio" e não perturbar mais.

O Paulo Estevão é um Presidente mais do que legitimado e já deveria ser há muito.

Com o Paulo, o Partido vai crescer e muitos militantes regressarão .
Paulino Fernandes
Saúdo todos os Monárquicos independentemente das suas posições relativamente aos problemas da Causa.

Paulino B. Fernandes
Monárquico
Monárquico
Mensagens: 373
Registado: 26 de março de 2008 às 12h55
Localização: Lisboa
Contacto:

Mensagem por Paulino B. Fernandes »

Após o abandono de Nuno da Câmara Pereira, o PPM reúne o Conselho Nacional no próximo sábado, dia 10.
Saúdo todos os Monárquicos independentemente das suas posições relativamente aos problemas da Causa.

Avatar do Utilizador
iznoguud
Regente
Regente
Mensagens: 2768
Registado: 23 de abril de 2007 às 09h40

Mensagem por iznoguud »

Paulino B. Fernandes Escreveu:Após o abandono de Nuno da Câmara Pereira, o PPM reúne o Conselho Nacional no próximo sábado, dia 10.
Vão acontecer eleições no PPM? E se sim, já há listas formadas?

IzNoGuud

Responder